Tag Archives: rúcula

Bolos de milho com salada de presunto

22 Maio

???????????????????????????????

Para uma refeição ligeira, para um jantar de petiscos, para uma entrada ou até mesmo para um brunch. Estes bolos de milho têm um toque exótico dos cominhos, a lembrar os sabores mexicanos, que combina muito bem com a salada de rúcula, tomate seco e presunto, com paladares tão típicos da cozinha mediterrânica. Impossível não gostar…

Ingredientes (2 pessoas, adaptado do livro “Cozinha rápida para saborear devagar”, Donna Hay)

– 140 g de milho cozido
– ½ chávena (de 240 ml) de farinha com fermento
– 1 ovo
– 2 colheres sopa de coentros picados
– ½ colher de chá de cominhos
– ½ colher de chá de fermento em pó
– 1 pitada de sal
– 70 g de folhas de rúcula
– 4 colheres de sopa de tomates secos, com azeite
– 6 fatias de presunto
– pimenta-preta q.b.
– azeite q.b.

Preparação

Na picadora juntar o milho, a farinha, o ovo, os coentros, os cominhos, o fermento e o sal e misturar bem, até obter uma massa homogénea.
Numa frigideira, aquecida com um fio de azeite, colocar duas a três colheres de sopa desta massa. Espalhar a massa, dando uma forma arredondada (como uma panqueca), e cozinhar o bolo dos dois lados até estar dourado. Cozinhar dois bolos por pessoa.*
Para servir, colocar a rúcula, o tomate seco e o presunto entre dois bolos de milho. Terminar com a pimenta-preta moída na hora e um fio de azeite dos tomates secos.

* Esta quantidade de massa dá para fazer quatro bolos de milho com cerca de 10 cm de diâmetro, sendo a quantidade indicada para uma refeição ligeira. Se pretenderem fazer bolos mais pequenos (por exemplo para servirem como tapas), basta reduzir a quantidade de massa de cada bolo e fazer bolos mais pequenos.

Anúncios

Entrada de foie gras com doce de figo

18 Out

Esta “receita” não pode bem ser chamada de receita, mas sim uma sugestão para uma entrada fácil e rápida de preparar.

O foie gras é sempre um tema polémico. Fica apenas a ideia que o foie gras não tem de ter sempre uma carga negativa associada. O exemplo disso vem de…Badajoz, Espanha (sim, foie gras de Espanha, não de França…), com o seu sistema de produção orgânica, respeitando o ciclo de migração natural dos animais, produção sazonal e alimentação não-forçada e ambiente natural. Mas…como é que o foie gras fica então amarelo, se não é dado milho às  aves? simples…planta-se o arbusto do tremoço no terreno…e os gansos adoram as sementes do tremoço!

Podem saber mais sobre este pequeno produtor em:
– Ted Talks: http://www.ted.com/talks/lang/pt-br/dan_barber_s_surprising_foie_gras_parable.html
– Gordon Ramsay’s F Word: http://www.youtube.com/watch?v=x5c4TXfDHZY
– site do produtor (publicidade gratuita): http://www.lapateria.eu

Ingredientes (2 pessoas)

– 2 fatias de bloco de foie gras (neste caso usou-se foie gras mid cuit, com aprox. 20g cada fatia)
– rúcula (*)
– 2 colheres de sopa de doce de figo (**)
– 4 nozes
– flor de sal q.b.
– pimenta-preta q.b.

Preparação

Colocar uma fatia de bloco de foie gras em cada prato de servir.
Colocar 1 c.s. de doce em cada prato.
Dividir igualmente as folhas de rúcula e as nozes partidas em pedaços pequenos pelos dois pratos.
Terminar com pimenta-preta e flor de sal a gosto.

(*) A rúcula veio directamente do vasinho da varanda
(**) O doce de figo utilizado é uma produção Mercearia Caseira …com figos do Algarve

Salada de figo com presunto e queijo da Ilha

15 Out

Eles ainda andam por aí, os figos. Atrasaram-se um pouco este ano.

É curioso como há 3 anos cá em casa não os suportávamos, a não ser secos…

Mas a verdade é que agora os figos frescos aqui servem para tudo: entradas, sobremesas, compotas…e só não são (ainda) usados em licores, porque não calhou este ano…quem sabe para o próximo.

Os figos são um alimento interessante, tanto sob o ponto de vista nutritivo (70 calorias por 100 gramas e muito rico em fibras), mas também do ponto de vista de aptidão gastronómica.

Para aproveitar os que ainda nos continuam a chegar da Quinta da Romeira, resolvemos utilizá-los num prato extremamente simples (e que se encontra por aí em dezenas de blogues com pequenas variações), ainda assim delicioso, nutritivo, e harmonioso. Sem grande trabalho, esta salada pode até transformar-se num prato principal, num dia de verão, numa esplanada de praia. Pode por exemplo ser enriquecida com umas nozes simples ou caramelizadas. Pode também dar-se um toque mais fresco se em vez do queijo da Ilha, se usar queijo fresco de cabra, por exemplo.

Ingredientes (2 pessoas)

– 4 figos frescos descascados e cortados em quartos (*)
– 4 fatias finas de presunto
– 6 fatias fininhas de queijo da Ilha
– rúcula ( a gosto)
– 1 colher sopa vinagre balsâmico
– 3 colheres sopa de azeite
– 1 pitada de flor de sal

Preparação:

Começar a preparação do vinagrete: juntar azeite, vinagre balsâmico e sal e misturar até criar uma emulsão. Reservar.
Juntar os figos, o presunto, o queijo e a rúcula, e temperar com o vinagrete.

E já está! Não há muita margem para falhar. Desde que os ingredientes tenham qualidade, resulta sempre.

(*) Figos “caseiros” da Quinta da Romeira.

123 Lets Cook!

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Mesa Marcada

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

http://blog.foodzai.com/

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Three Fat Ladies

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Technicolor Kitchen

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Tartelette

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Sabores da Alma

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Pratos e Travessas

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Outras Comidas

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

no soup for you

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Lume Brando

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

In the mood for food

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

gourmets {amadores}

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Receitas - From our home to yours - Português

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

figo lampo

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Elvira's Bistrot

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

De Cozinha em Cozinha passando pela Minha

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Cozinha com tomates

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

come-se

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Cinco Quartos de Laranja

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Cannelle et Vanille

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Baunilha e Caramelo

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

As Minhas Receitas

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Ardeu a padaria

viagens pelo mundo dos sabores sem sair de casa...

Caos na Cozinha

Experiências de uma cozinheira amadora, que gosta de experimentar coisas novas e tem muito jeito para a recriação de cenários de guerra na cozinha

%d bloggers like this: